Netflix testa função que permite dar replay nas cenas

A Netflix, maior serviço de streaming de vídeos da atualidade, colocou em fase de testes uma nova função que possibilitaria que os usuários dessem replay nas cenas de uma forma mais fácil e orgânica do que o que é permitido até o momento, seja através do smartphone, tablet, computador ou pela televisão. No entanto, o serviço escolheu como ferramenta para essa nova funcionalidade as janelas pop-up, o que causou controvérsias.

Até o presente momento, os usuários da Netflix que querem assistir de novo a alguma cena precisam fazer uso da barra de rolagem da transmissão, um método que deixa a desejar em termos de praticidade. Segundo notícias do Los Angeles Times, essa função que está sendo testada pelo serviço de streaming apareceria na tela dos usuários somente depois de determinadas cenas, questionando se este deseja assisti-la de novo, ou não.

Assim, através de um simples seria possível reproduzir uma cena desde o seu início, sem ter que procurar pelo momento exato na barra de rolagem. Apesar da Netflix ter confirmado que está realizando testes, o serviço ainda não divulgou se a função será aberta a todos os clientes e de maneira definitiva.

Em relação ao feedback dos usuários, muitos se posicionaram de forma contrária a essa mudança. No fórum de discussões Reddit, por exemplo, é possível encontrar diversas reclamações sobre o tema, de acordo com o site The Verge. A reclamação mais comum entre os que testaram a função é de que ela atrapalha a imersão ao longo do filme ou série, pois costuma aparecer justamente após momentos intensos e que prendem a atenção dos espectadores.

Outros classificaram a possível nova função da Netflix como uma distração indesejada, e houve inclusive quem pedisse para que o serviço voltasse a oferecer somente o replay de forma manual.

Oficialmente, a Netflix não divulgou nenhuma notícia sobre como os testes foram recebidos pelos seus usuários, contudo, o serviço de streaming admite que nada está definido. Segundo um porta-voz da empresa em entrevista ao Los Angeles Times, a Netflix está tentando aprender com qualquer possível novidade e buscando identificar se elas devem ou não ser expandidas.